sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Banda Black Rio - 6 Albums (1977 - 2003).

Grupo carioca de soul-music formado em meados da década de 1970 com a junção de alguns integrantes dos conjuntos Impacto 8, Grupo Senzala e Don Salvador e Grupo Abolição, misturando funk a elementos da música de gafieira, resultando um som mais balançado e dançante. Teve basicamente duas formações das quais participaram na primeira Oberdan P. Magalhães (sax soprano, alto e tenor), Cristóvão Bastos (piano e teclados), José Carlos Barroso (trompete), Lúcio J. da Silva (trombone), Jamil Joanes (baixo), Cláudio Stevenson (guitarra) e Luiz Carlos dos Santos (bateria, percussão e voz). Na segunda formação constavam Jorge Barreto (teclados e voz), Cláudio Jorge (guitarra e voz), Valdecir Machado (baixo), Luiz Carlos dos Santos (bateria e voz), José Carlos Barroso (trompete) e Oberdan Magalhães (saxofone e flauta). Antes de gravar o primeiro disco, fazendo parte do Movimento Black Rio, a banda se apresentava em vários clubes suburbanos. Nestes bailes, contava com dois cantores: Sandra de Sá e Carlos Dafé (na época, desconhecidos). Desse movimento de black music, faziam parte Tony Tornado, Carlos Dafé, Sandra de Sá, Don Salvador, Tim Maia, Tony Bizarro, Lady Zú, Gérson King Combo, Cassiano e Os Diagonais. No ano de 1977, lançou o primeiro disco "Maria fumaça". Seu maior sucesso foi a música "Maria Fumaça" (Oberdan Magalhães e Luiz Carlos Batera), que fez parte da trilha sonora da novela "Loco-motivas", da Rede Globo. Deste mesmo LP, destacaram-se outras composições que fizeram sucesso: "Na Baixa do Sapateiro" (Ari Barroso), "Casa forte" (Edu Lobo), "Baião" (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira) e "Urubu malandro", de Louro e João de Barro. Ainda neste ano, a convite de Caetano Veloso, a banda fez temporada de sucesso no teatro Carlos Gomes acompanhando o cantor e seus convidados. No ano seguinte, gravou o disco "Gafieira universal", do qual se destacaram "Chega mais" (Luiz Carlos Batera e Valdecir Nei) e a faixa-título "Gafieira universal", de autoria de Barrosinho e Cláudio Steverson. Em 1980, lançou seu último LP "Saci Pererê", cujo título foi retirado da faixa homônima "Saci Pererê", de Gilberto Gil. Neste mesmo ano, a banda se dissipou. No final da década de 1990, as músicas da banda foram bastante executadas nas pistas de dança da Inglaterra. Em 2000, William Magalhães, filho de Oberdan, retomou as atividades do grupo, que voltou a se apresentar em maio na casa de espetáculos carioca Giraldia Upjazz. No ano de 2001, a BMG Brasil lançou a série "2 LPs em 1 CD", disco no qual compilou os LPs "Gosto do prazer" (A Cor do Som) e "Saci Pererê" (Banda Black Rio). Neste mesmo ano, pela gravadora Regata, foi lançado o CD "Movimento", que trazia a nova formação da banda, desta vez, reunindo músicos jovens tendo como líder o pianista e tecladista William Magalhães, filho de Oberdan Magalhães. Ainda neste ano, a gravadora BMG relançou individualmente os três discos da banda. No ano de 2002, a banda fez o show de lançamento do CD "Movimento", no Canecão, no Rio de Janeiro. O show contou com as participações especiais de Luiz Melodia, Sandra de Sá, Luiz Carlos Batera e Cidade Negra. Neste mesmo ano, apresentou-se em show no Ballroom, no Rio de Janeiro, ao lado de Ed Motta. Em 2003 foi lançado pela primeira vez em disco a gravação do show "Bicho baile show", de Caetano Veloso. O show foi gravado ao vivo no ano de 1978, quando a banda (1ª formação) que acompanhava Caetano Veloso, iniciou a turnê desse show no teatro Carlos Gomes, no Rio de Janeiro. O CD foi incluído em uma caixa intitulada "Todo Caetano". Em 2005, com a nova formação, a banda apresentou-se no Teatro Odisséia, show no qual contou com a participação especial de Mariana de Moraes e Gérson King Combo. Em 2011 lançou o CD "Super nova samba funk", pelo selo inglês Far Out, do qual destacaram-se as faixas "Isabela" e "Nossa jornada", além das participações especiais de Caetano Velso, Elza Soares, Gilberto Gil, Seu Jorge e César Camargo Mariano. Neste mesmo ano a banda fez o show "Black Rio Baile" no Teatro Rival BR, na Cinelândia, centro do Rio de Janeiro, recebendo como convidados o baixista Arthur Maia e o rapper Black Alien. Em 2012 a banda fez outra vez temporada no Teatro Rival BR com o show "Black Rio baile show & convidados". No ano de 2013, radicada em São Paulo, apresentou-se no palco da Praça das Artes, na Estação República, do Metrô, no centro de São Paulo, com o show "Banda Black Rio e Convidados", no qual recebeu Carlos Dafé, Gérson King Combo, Hyldon, Paulo Diniz, Tony Tornado, Lady Zú, Luís Vagner e Di Melo

Carioca soul-music group formed in the mid-1970s with the addition of some members of the sets Impact 8, Slaves Group and Don Salvador and Abolition Group, mixing elements of funk music gaff, resulting in a more balanced and danceable sound. Had basically two formations which participated in the first P. Oberdan Magalhães (soprano, alto and tenor), Cristóvão Bastos (piano and keyboards), José Carlos Barroso (trumpet), J. Lúcio da Silva (trombone), Jamil Joanes (low ), Cláudio Stevenson (guitar) and Luiz Carlos dos Santos (drums, percussion and vocals). In the second training contained Jorge Barreto (keyboards and vocals), Jorge Claudio (guitar and vocals), Valdecir Machado (bass), Luiz Carlos dos Santos (drums and vocals), José Carlos Barroso (trumpet) and Oberdan Magalhães (saxophone and flute) . Before you burn your first disc, part of the Black Rio Movement, the band was featured in several suburban clubs. In these dances, had two singers: Sandra de Sá and Carlos dafe (then unknown). This movement of black music were part Tony Tornado, Carlos dafe, Sandra de Sá, Don Salvador, Tim Maia, Tony Bizarro, Lady Zú, Gerson King Combo, Cassian and The diagonals. In 1977, released the first album "Maria smoke." His biggest hit was the song "Smokey Mary" (Oberdan Magalhães and Luiz Carlos Batera), who was part of the soundtrack of the novel "Loco-motive", Rede Globo. Even this LP stood out other compositions that were successful: "In the Low Cobbler" (Ari Barroso), "strong house" (Edu Lobo), "Baiao" (Luiz Gonzaga and Humberto Teixeira) and "Vulture trickster" of blond and John Clay. Later this year, at the invitation of Caetano Veloso, the band did successful season in Carlos Gomes theater watching the singer and her guests. The following year, he recorded the album "Universal Gafieira", which stood out "No More" (Luiz Carlos Batera and Valdecir Nei) and the title track "universal Gafieira", authored by Claudio and Barrosinho Steverson. In 1980, released their last LP "Saci Pererê", whose title was taken from the eponymous track "Saci Pererê" by Gilberto Gil. That same year, the band dissipated. In the late 1990s, the band's songs were performed well on the dance floors of England. In 2000, William Magalhães, son of Oberdan, resumed the activities of the group, who returned to performing in May in Rio house shows Giraldia Upjazz. In 2001, BMG Brazil launched the series "2 LPs on 1 CD" disk on which compiled the LPs "I like pleasure" (The Color of Sound) and "Saci Pererê" (Banda Black Rio). That same year, the Regatta label, the CD "Movement", which featured the new band lineup, this time bringing together young musicians having as leader pianist and keyboardist William Magalhães, son of Oberdan Magalhaes was released. Later this year, the BMG label reissued individually the three discs of the band. In 2002, the band made ​​the show CD release "Movement" in Canecão, in Rio de Janeiro. The show featured appearances by Luiz Melodia, Sandra de Sá, Luiz Carlos Batera and Black City. That same year, he performed in concert at the Ballroom at the Rio de Janeiro, alongside Ed Motta. In 2003 was first released in disc recording of the show "Man dance show" by Caetano Veloso. The show was recorded live in 1978, when the band (1st formation) that accompanied Caetano Veloso, started touring this show at Carlos Gomes Theater in Rio de Janeiro. The CD was included in a box titled "Todo Caetano." In 2005, with the new lineup, the band performed at the Odyssey Theatre, the show which featured a cameo by Mariana de Moraes and Gerson King Combo. In 2011 released the CD "Super new samba funk", by British label Far Out, which stood out the tracks "Isabela" and "Our journey", and special appearances by Caetano Velso, Elza Soares, Gilberto Gil, Seu Jorge and Cesar Camargo Mariano. That same year the band made ​​the show "Black Rio Baile" in BR Rival Theatre in Cinelândia center of Rio de Janeiro, receiving as guests bassist Arthur Maia and rapper Black Alien. In 2012 the band performed again at the Rival Theatre BR season with the show "Black River dance show & guests." In 2013, based in São Paulo, presented himself on stage at Place des Arts in the Republic Station of the Metro, in downtown Sao Paulo, with "Banda Black Rio and Guests" show, in which Carlos received dafe, Gerson King Combo, Hyldon, Paulo Diniz, Tony Tornado, Lady Zú, Luís Vagner and Di Melo 

Link Torrent.

Leia mais em / Read more at:
http://www.dicionariompb.com.br/banda-black-rio/dados-artisticos





Um comentário: